sexta-feira, 27 de junho de 2008

Acústico Brognoli reprisa na TV COM



Quem esteve no CIC para assistir ao Acústico Brognoli na última terça-feira (24) e saiu de lá querendo mais poderá rever na íntegra o espetáculo que emocionou muita gente. “Clássicos de Santa Catarina” repercutiu tanto que a TV Com, responsável pela transmissão ao vivo do evento, vai reprisar o show neste sábado (28), às 15h30min. De acordo com o canal, foram muitos os telefonemas e e-mails pedindo um bis do encontro histórico em que intérpretes e músicos catarinenses apresentaram canções que marcaram época no Estado. Para a alegria dos admiradores da boa música, como acontece desde a primeira edição do evento (2005), o show será veiculado novamente pela TV Com no mês de dezembro. Este ano, o Acústico Brognoli homenageou clássicos de Luiz Henrique Rosa, Zininho, Expresso Rural, Orlandivo, Grupo Engenho, Primavera nos Dentes, John Bala Jones e Dazaranha. De quebra, ainda rolou a apresentação contagiante de Paula Lima, que cantou sucessos de seu último disco (Sinceramente) e a atemporal “Certos Amigos”, do Expresso Rural, interpretada em parceria com Karina K, Julie Phellipe, Natascha Hak, Gazu, Guilherme Ribeiro, Gustavo Barreto e Nelson Viana. A direção musical foi de Guinha Ramires, integrante da Banda Acústico ao lado de Léo Piovezani, Rafael Calegari, Eduardo Pimentel, Diego Carrasqueira, Nelson Viana, Rodrigo Poeta, Alexandre da Maria, Nei da Berta e DJ Júnior.

(Foto - Mateo Troncoso)

Juliana Pamplona / Karyna Pereira / Kelly Magalhães
48 3035.5503 / 9981.0506 / 9971.5056 / 9942.8275

quinta-feira, 26 de junho de 2008

Portal do Choro no Rancho Beira Mar


João Paulo diz:

Convido-os a assistir neste sábado (28/6), no Rancho Beira Mar, Avenida Beira Mar- (em frente ao Koxixo) com inicio ás 21:30 hs, apresentação do Grupo PORTAL DO CHORO - com o Show "De Ernesto Nazaré á Zeca Pagodinho estamos preparando um ótimo show em homenagem a vocês.

Nhoque da Fortuna com molho de MPB


O Neco informa:



No dia 29, Domingo, acontecerá o tradicional Nhoque da Fortuna do Bistrô da Leila! Desta vez, o Nhoque acontecerá na hora do almoço. Será um almoço descontraído, ao som de muito samba com a cantora Raquel e seu grupo. Além disso, servirá de "esquenta" pro nosso encontro de fim de tarde no Barraco do Neco! Falando no nosso encontro de Domingo, atendendo aos vários "frequentadores e amigos" que tem dito que às vezes tem sobrado pouco tempo pras "canjas", este será o "Domingo das Canjas". Reizinho e eu estaremos tocando e recebendo todos os que chegarem e quiserem participar a partir das 19hs.

Mais uma Festa Junina: 7º Forró do Rala Coxa no Sambaqui



28 de Junho – sábado – 20:00h

Banda Mandacarú
Quadrilha / Pau-de-sebo

Casamento na Roça

Venha na Beca com Traje de Jeca!

Trazer: Doce, Vergamota, bolo ou amendoim... para a mesa de partilha.

+ contribuição para Banda

Quentão e pinhão por conta da casa

Venha na Beca com Traje de Jeca!

Local: Casa da Doris e Nildão

Rodovia Rafael da Rocha Pires (Estrada Geral de Sambaqui), 3913
SAMBAQUI
Ao chegar na ponta de Sambaqui, continua 900 metros na estrada de chão batido.

Flagrantes do Arraial do Quiosque da praça dos Bombeiros








Na terça-feira (24/6) ocorreu mais uma festividade junina na nossa cidadela. Foi ali na Praça dos Bombeiros, com tempo nublado, um pouco de frio, muita alegria e brincadeira junina. A Turma do Mercado que aos sábados, depois que o dito cujo fecha, faz uma tradicional esticada até o quiosque do Joel na Praça Getúlio Vargas estava toda presente. O senador Kiko Ortiga e o Joel ( filho do seu João que está comigo na foto) foram os anfitriões.
As fotos são do Paulo Roberto Witoslawski
Veja o cobertura fotográfica completa:

terça-feira, 24 de junho de 2008

Clássicos de Santa Catarina no palco do CIC

Nesta terça-feira (24), Acústico Brognoli apresenta canções imortais interpretadas pelos novos talentos da música catarinense.
Desde sua primeira edição, em 2005, o Acústico Brognoli tem como principais objetivos valorizar a cultura e incentivar o talento dos artistas locais. Este ano, a música catarinense tornou-se a atração principal do espetáculo: “Clássicos de Santa Catarina” é o tema da quarta edição do evento, que terá em seu repertório composições de Orlandivo, Zininho, Luiz Henrique Rosa, Expresso Rural e Grupo Engenho, Dazaranha, Jonh Bala Jones e Primavera nos Dentes, dentre outros. Os intérpretes fazem parte da nova geração da música catarina e o show, que acontece no dia 24 de junho, às 21h, no CIC, também contará com a participação da atração nacional, Paula Lima. A cantora é uma das mais elogiadas vozes da Música Popular Brasileira na atualidade. A cada ano, o Acústico Brognoli surpreende com atrações nacionais e estaduais que reafirmam o conceito de valorização do patrimônio cultural e musical catarinense. O evento, que surgiu em 2005 em comemoração aos 50 anos da Brognoli Negócios Imobiliários, entrou para o calendário cultural oficial da Ilha.
Para 2008, além das atrações musicais, inovações audiovisuais estão sendo preparadas para surpreender o público do Acústico Brognoli, que homenageará artistas locais que levaram a musicalidade do Estado para o Brasil e para o mundo. Um deles foi Orlandivo, o carioca de Santa Catarina encantou os meios dançantes do Rio de Janeiro ritmando seus sambas com um molho de chaves. Mais que uma marca registrada, as chaves surgiram para reafirmar as possibilidades infinitas da percussão do samba. Criatividade a favor da música Nascido em Itajaí, em 8 de agosto de 1937, Orlandivo cresceu respirando o ar da Praça Onze, do Campo de Santana, da Praça Mauá e também da Lapa, no Rio de Janeiro. Descobriu a Zona Sul pelas mãos do amigo e primeiro parceiro musical Paulo Silvino. Sentia-se seduzido pelo sambalanço de Djalma Ferreira e Valdir Calmon. Os dois foram, com Mário Reis, Jackson do Pandeiro, Joel de Almeida e Dilermando Pinheiro, as suas principais influências como compositor e intérprete. Como o compositor não tocava violão ou outro instrumento harmônico (sua experiência musical se limitava à gaita dos tempos de criança), teve de se valer só do ritmo e de um molho de chaves para mostrar suas composições. O instrumento inusitado fez tanto sucesso que o artista passou a tocar com a velha guarda do sambalanço, com Roberto Jorge, Ed Lincoln, Wilson das Neves, Márcio Montarroyos, Emílio Santiago e Toni Tornado. Em 22 anos de baile, além das aparições na TV, garantiu o papel de astro principal do programa “Alô Brotos”, que ia ao ar aos sábados, na Tupi. Recentemente, apresentações no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), no Teatro Rival, no Rio Scenarium e um CD próprio com produção e arranjos do próprio artista são as novidades de Orlandivo. A música “Vô Batê Pá Tu”, do último trabalho, chegou ao segundo lugar das paradas européias na interpretação bem humorada – mas muito sambalançada – de “Baiano e os Novos Caetanos”. Arnaud Rodrigues, um dos integrantes do grupo, dividiu talento com Orlandivo na composição do samba que fecha o CD.
Paula Lima – uma vida dedicada à música
A quarta edição do Acústico Brognoli contará com a participação da cantora revelação da MPB, Paula Lima. Uma das mais elogiadas vozes da música brasileira na atualidade, a paulista de 28 anos vai facilmente do samba ao funk, passando pela bossa nova e pelo soul. Ao longo de sua jovem, porém intensa carreira, realizou importantes parcerias com Zélia Duncan, Mart'nália, Ana Costa, Seu Jorge, Ana Carolina, dentre outros. Agora chegou a vez de dividir o palco com os músicos catarinenses. Além de apresentar elementos de seu último trabalho, o álbum “Sinceramente”, a cantora deve impressionar a platéia do CIC ao emprestar sua bela voz às canções que marcaram época e levaram a musicalidade do Estado para o Brasil e para o mundo. Envolvida desde cedo com os movimentos soul e funk, a atração nacional do Acústico Brongoli 2008 ouvia desde criança músicas de Martinho da Vila, Glenn Miller e El Cubanito. Paula Lima cresceu em companhia da música, estudando piano erudito dos sete aos dezessete anos e participando de diversos festivais. Passou pelas bandas Unidade Móvel e Funk Como Le Gusta, com quem cantou ao lado de estrelas como Elza Soares, Sandra de Sá, Otto, Black Allien, Marcelo D2, Fernanda Abreu e Luiz Melodia. A carreira solo começou em 2001, com o álbum “É Isso Aí”. Com o segundo disco, “Paula Lima” (2003), a cantora foi apontada como ícone da nova safra de grandes intérpretes brasileiras. O terceiro álbum, “Sinceramente”, veio em 2003. A mistura do samba com a soul music é a grande tônica do álbum, que vai da bossa nova ao funk mais setentista. Finalistas do Ídolos no Acústico Brognoli Versatilidade é a palavra que melhor descreve a cantora Julie Philippe. Com apenas 20 anos, a jovem revelação será uma das intérpretes do Acústico Brognoli “Clássicos de Santa Catarina”. Com um denso currículo, a bela já atuou em concertos clássicos como a ópera La Traviata e a Nona Sinfonia de Beethoven, com a Camerata Florianópolis e a Polpyphonia Khoros. Além de cantar ao lado de Rute Gebler no Vozes da Primavera, participou de grandes musicais da Broadway, como Hair, Chorus Line e Cats.
No início deste ano, com a canção La vie en rose, conquistou o 4º lugar no júri popular no Concurso Nacional de Canto Edith Piaf. Recentemente, no show 50 Anos de Bossa Nova, ao lado do pianista Luiz Gustavo Zago, lotou o Teatro da Ubro, em Florianópolis, durante as quatro noites de apresentação. A moça é a segunda intérprete do Acústico Brognoli 2008 que chegou à final do programa Ídolos, veiculado pelo SBT. Outra finalista foi a curitibana Karina K.

segunda-feira, 23 de junho de 2008

AGENDA de Festas Juninas: São Joâo do quiosque da Praça dos Bombeiros e muito mais...


Pessoal temos muitas festas sendo programadas neste mês de Junho, como é a tradição. Ai vão algumas:
As dicas são do Kiko, do Nica e Nildão:
1- FESTA NO QUIOSQUE DA PRAÇA GETÚLIO VARGAS
"Na noite de 24 de junho (terça-feira) faremos uma grande festa junina no quioque. O Joél se dispôs a dar o pinhão e o quentão. Me comprometo com amendoim e sei lá o que mais, alguma outra coisa. Quem quiser colaborar de alguma forma, por favor entre em contato. A idéia e fazer a festa livre, sem cobrar absolutamente nada. O quiosque será decorado, o Joel vestirá traje típico, será acesa uma fogueira (pequena p/ o controle da emissão de gazes p/ a atmosfera), e vou levar um CD do Mario Zam com as músicas originais de São João. O pessoal do som (Nica, Haini, João Paulo, Gil e cia) também deverá estar presente e poderá variar com outros generos musicais. Vamos combinar tudo com calma. Haverá tempo. Possivelmente teremos também churrasco ou tainhas na brasa. Isso será definido nos próximos dias dependendo da resposta em termos de colaboração que fica aberta para todos. Vamos fazer uma grande festa junina nos moldes da ilha? No lugar do Jeca ( sem qualquer tipo de desprezo a este personagem) teremos a figura do manezinho de boa índole. Acho (estou pensando agora nisso) que vou convidar o Valdir Agostinho. Se alguém quiser dançar a quadrilha será ótimo. A música eu tenho. Que tal? Seria bacana mesmo se todos fossem tipicamente trajados. O que acham? Marque desde ai na sua agenda. Será dia (noite) 24 de junho, o dia original de São João, uma terça-feira.
Fones de contato da festa:
Kiko F: 96073133
Joel f: 99981688
Orelhão do quiosque f: 32238377

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@
2- Oi Marcio, é o NICA, além da festa do Quiosque, mando para ti a agenda de junho/2008:
No dia 21/06/2008, sabado, a partir das 10:00h da manhã teremos a inauguração do nosso Centro Comunitário do Estreito, próximo ao antigo DEIC, hoje delegacia de Capoeiras, com muito pagode, samba, MPB e churrasco.
@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

3- FORRÓ DO RALA COXA
SERÁ NA NOITE DE 28 DE JUNHO (SÁBADO).
COLOQUE NA AGENDA.

Olá, o nosso 7º Forró do Rala-Coxa será na noite do dia 28 de junho (sábado),
véspera de São Pedro. Mais adiante, enviarei maiores detalhes. Abraço, Nildão
nildaofloripa@gmail.com

Flagrantes da festa do Otávio no Quiosque dos Bombeiros










Ai estão os flagrantes do Aniversário do Senador do Mercado Público Otávio ( grande cozinheiro!) no quiosque do Joel ( filho do seu João, não tem?). Ocorreu no sábado (21/06) na praça dos Bombeiros ( praça Getúlio Vargas) e as fotos foram feitas por um dos nossos fotógrafos oficiais o Paulo Roberto Witoslawski. Obrigado Paulo!

Mais fotos da festa veja no:

domingo, 22 de junho de 2008

Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS em Florianópolis

Pela primeira vez o VII Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e Aids vai acontecer no Sul do Brasil. O encontro pretende reunir 4 mil pessoas de todo o Brasil em Florianópolis entre os dias 25 e 28 de junho. Na abertura oficial do Congresso, na manhã do dia 26, o Ministro da Saúde, José Gomes Temporão vai falar sobre “os 20 anos do SUS e a construção da resposta brasileira à epidemia de Aids”. Entre as diversas discussões do Congresso a mesa-redonda “Vacinas e microbicidas: Momento atual e perspectivas no cenário brasileiro” é um dos destaques da programação. A discussão está marcada para o dia 26 de junho a partir das 14h30. Atualmente existem 23 países que realizam pesquisas clinicas de vacinas contra a Aids envolvendo 25 mil voluntários em 46 tipos de diferentes de estudos. No Brasil, o esforço para desenvolver vacinas contra a Aids acontece desde 1992 e conta com o apoio da comunidade científica e da sociedade civil, que atualmente integram os Comitês Técnicos Assessores de Vacina anti-HIV. Desde 2001 sete estudos de vacinas preventivas e um estudo de vacina terapêutica para pessoas já infectadas. Todas estas pesquisas no Brasil estão em fase inicial e contam com um orçamento prévio de R$ 4,8 milhões.
O Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e Aids acontece a cada dois anos, está na sua sétima edição e é uma promoção dos governos federal, estadual e municipal. O evento acontece no Centro de Convenções de Florianópolis, o Centro Sul. Toda a programação cientifica e cultural do VII Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e Aids é exclusiva para congressistas.
Informações sobre inscrições podem ser obtidas no site www.aids.gov.br/congressoprev2008.
Juliana Pamplona / Karyna Pereira
Alvo de Comunicação48 3035.5503 / 9981.0506 / 9971.5056

GFAL lança: Empresa sustentável é aquela que trabalha em rede


O Sistema Fiep e parceiros lançaram no GFAL a Escola-de-Redes, iniciativa internacional que congrega pessoas dedicadas à investigação teórica e à disseminação de conhecimentos sobre redes sociais
Só é sustentável o que tem estrutura de rede. Uma empresa sustentável é aquela que trabalha com redes distribuídas e possui modelo de gestão e padrão de organização horizontais, sendo capaz de se adaptar a mudanças, de acordo com as circunstâncias, mantendo a congruência. A opinião é do professor e analista político Augusto de Franco, que participou da pós-Conferência Redes Sociais e Sustentabilidade, nesta sexta-feira (20), em Curitiba, durante o Global Forum América Latina, encontro promovido pelo Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), de 18 a 20 de junho.“A organização em rede é necessária. As teorias e experiências são importantes, mas de nada adianta se não houver modelos organizacionais que proporcionem integração e disseminação das informações, como numa rede”, disse o presidente do Sistema FIEP, Rodrigo da Rocha Loures.O espanhol David de Ugarte associa redes e sustentabilidade, afirmando que somente uma rede distribuída, que tenda para a auto-produção e use a rede para equilibrar e compartilhar excedentes, é sustentável. “A sustentabilidade é essencial à vida. Temos que nos aproximar da sustentabilidade num plano social, econômico e ambiental, sempre pensando na inter-relação entre as pessoas e o papel das redes.”Franco acredita que entre os grandes desafios colocados para o setor empresarial neste início do século 21, o da sustentabilidade é o principal. “Ele exige que a empresa atue como agente de desenvolvimento, que saiba fazer a gestão da sua rede de stakeholders, mudando seu padrão de organização e democratizando progressivamente seus procedimentos internos e externos”, afirma Franco, ressaltando que enfrentar tais desafios da sustentabilidade pode ser a única maneira de aumentar a garantia de futuro. “Uma empresa sustentável funciona como um ecossistema, em que cada um dos pontos trabalha independente. As grandes empresas já trabalham desta forma”, afirmou.Para Ugarte, uma rede social é um conjunto de pessoas unidas por uma identidade. A característica mais importante numa rede social é a topologia, que pode ser centralizada, descentralizada ou distribuída. “Quanto mais próximos estejamos da rede distribuída, menor será o poder do filtro do grupo articulador dessa rede e maiores as tendências de auto-regulação”, disse.

Escola-de-Redes -

Durante a pós-Conferência foi lançada a Escola-de-Redes, uma iniciativa internacional que congrega pessoas dedicadas à investigação teórica e à disseminação de conhecimentos sobre redes sociais e à criação e transferência de tecnologias de netweaving (articulação e animação de redes), que terá um primeiro ponto no Brasil na cidade de Curitiba.A Escola-de-Redes é uma iniciativa do Sistema Fiep, Sociedade das Índias Eletrônicas e outras instituições, que reunirá empresários, academia e sociedade civil do Brasil e exterior que trabalham com redes sociais. A Escola promoverá estudos e pesquisas, cursos, encontros, conferências e publicações. Organizará bibliotecas físicas e virtuais e espaços de leitura individual, de reflexão coletiva e de trabalho conjunto.Em Curitiba, a Escola será coordenada pelo analista Augusto de Franco. Os interessados em participar da iniciativa devem acessar o site www.escoladeredes.org Parceria – Durante a conferência, foi assinado o termo de parceria entre a Fiep e o Instituto de Engenharia do Paraná (IEP) para a disseminação das atividades da Rede de Participação Política do Empresariado, movimento apartidário criado para promover a articulação da sociedade por meio de ações sintonizadas com outras iniciativas do setor empresarial no âmbito nacional. O objetivo é estimular o empresariado, as profissões liberais e toda a sociedade a participarem continuamente da política, juntando os esforços das duas entidades. Assinaram o convênio o presidente do Sistema Fiep, Rodrigo da Rocha Loures, e o presidente do IEP, Luiz Cláudio Mehl.“Não dá para ser socialmente, ambientalmente e economicamente responsável sem assumir a responsabilidade política. Esta parceria com o IEP é de extrema importância para praticar o exercício da cidadania”, afirmou Rocha Loures.

Nova opção no Ribeirão: Flor da Mina







Por Marcio Vieira

Estive no fim de semana passada com um grupo de amigos no Restaurante Flor da Mina do Ribeirão. Fica ali no inicio do Ribeirão, no antigo alambique da Intisica, não tem? O lugar é belíssimo e o ambiente criado pelo Paulo Mourão e seu sócio, muito acolhedor. No domingo ao meio dia tem feijoada com música (MPB) de primeira, com a cantora Joana Cabral Costa e Jorge Lacerda ao violão. Vale a pena conferir para ter um domingo de alto astral.
A turma adorou.
As fotos são da Solange.
Endereço : Rodovia Baldicero Filomeno, nr.3100; Ribeirão da Ilha

Informações: Fone: 3235-3053


sexta-feira, 20 de junho de 2008

GFAL: Pós-conferência aberta - Redes Sociais e Sustentabilidade

De Curitiba:

Conferência reunirá os estudiosos David de Ugarte, da Espanha e o professor e analista político Augusto de Franco
Compreender as relações entre responsabilidade social e sustentabilidade empresarial e a importância da gestão de redes para o desenvolvimento serão assuntos da Pós-Conferência Aberta Redes Sociais e Sustentabilidade, nesta sexta-feira (20), às 19 horas, no Cietep, logo após o encerramento do Global Forum América Latina (GFAL). O evento será coordenado pelo presidente da Fiep, Rodrigo da Rocha Loures, e terá como conferencistas os estudiosos David de Ugarte, da Espanha, e o professor e analista político Augusto de Franco.
Durante a conferência, aberta ao público e com entrada gratuita, será lançada a Escola-de-Redes. Trata-se de uma iniciativa internacional congregando pessoas dedicadas à investigação teórica e à disseminação de conhecimentos sobre redes sociais e à criação e transferência de tecnologias de netweving, que terá um primeiro ponto no Brasil na cidade de Curitiba.
David de Ugarte e Augusto de Franco falarão de experiências e abordarão características de redes e suas relações com a sustentabilidade (ou desenvolvimento, em uma visão sistêmica). “Entre os grandes desafios colocados para o setor empresarial neste início do século 21, o da sustentabilidade é o principal. Ele exige que a empresa atue como agente de desenvolvimento, que saiba fazer a gestão da sua rede de stakeholders, mudando seu padrão de organização e democratizando progressivamente seus procedimentos internos e externos”, afirma Franco, ressaltando que enfrentar tais desafios da sustentabilidade pode ser a única maneira de aumentar a garantia de futuro.
Na avaliação de Franco, para alcançar sustentabilidade a empresa deve fazer uma gestão adequada da rede de seus stakeholders, voltada ao seu próprio desenvolvimento e ao desenvolvimento do mundo onde ela e seus parceiros atuam. “O que se chama de desenvolvimento é algo que acontece em rede. Daí a importância, para o setor empresarial da primeira Escola-de-Redes que está sendo inaugurada nas Américas”, diz.

Ram Charan transmite os 10 princípios para o desenvolvimento sustentável




Um dos mais influentes consultores de negócios do mundo, Charam disse no Global Forum que a chave é ajudar as pessoas a usarem a mente
Os participantes do Global Fórum América Latina, que acontece em Curitiba, conheceram nesta quinta-feira (19) os dez princípios estabelecidos pelo indiano Ram Charan para dar efetividade às iniciativas de inovação social e criação de redes sociais sustentáveis. Um dos mais influentes consultores de negócios do mundo, Ram Charan foi um dos grandes destaques do Global Forum e falou para os mais de 1.200 participantes do evento sobre os desafios estratégicos da cooperação para a sustentabilidade. Antes de repassar os seus dez princípios, Charan deu as bases, o ponto chave para que uma pessoa possa colaborar com o desenvolvimento sustentável de outra pessoa, de grupos ou de comunidades. “Toda pessoa pode fazer isso. A colaboração não exige dinheiro, mas tempo, dedicação, paixão e também ferramentas específicas”, afirmou Charan, que é listado pela BusinesWeek entre as dez maiores fontes de programas de desenvolvimento de executivos.


A chave para o desenvolvimento sustentável, segundo Charan, está em usar o cérebro, desenvolver a mente e o raciocínio lógico. “Não podemos confundir o poder de raciocinar com o poder do conhecimento. As pessoas, mesmo as analfabetas e que vivem na pobreza, têm o poder de raciocinar e é com o raciocínio que devemos trabalhar. É preciso fazê-las falar e ouvi-las, orientá-las para articular o pensamento, para ter lógica. É preciso lidar com o poder da mente”, ensinou. “No mundo todo há casos de analfabetos que ergueram impérios e só depois aprenderam a ler e escrever”, disse ele. Charan citou exemplos de iniciativas de inovação social em diversos locais do mundo: como a da assistente social que ajudou uma menina indiana surda e muda a criar uma linguagem baseada em toques nas mãos, o que a retirou do isolamento e a conduziu ao desenvolvimento; a do empresário árabe que criou um produto com preço acessível para pessoas pobres; a da banda musical de rapazes negros dos Estados Unidos, organizada a partir da liderança de um deles, que ultrapassou a barreira da pobreza com a dança e a música. Para falar sobre os seus dez princípios para as iniciativas sociais e criação de redes sociais, Ram Charan baseou-se numa experiência de Uganda (África).

O líder de uma cooperativa de leite, interessado em melhorar as condições de saúde da comunidade, buscou informações junto a outros cooperativistas e teve a resposta de um médico norte-americano.“O médico, da Califórnia, foi para Uganda, conversou com a comunidade, criou uma rede social, projetou um sistema que permitia às pessoas pagarem um dólar pela assistência médica. Esse preço, perfeitamente acessível às pessoas, deu condições para custear os serviços médicos. As condições de saúde da comunidade melhoraram”. “O que se fez em Uganda é resultado da disposição em colaborar, com a aplicação de ferramentas corretas”, explicou.Com base neste exemplo, ele repassou aos participantes do Fórum Global, os dez princípios para a inovação social e formação de redes sociais.

São eles:

1 – Defina a causa, a missão, quais os resultados que se pretende e como dimensionar esses resultados. “É preciso usar a mente e buscar resultados mensuráveis”, explicou.

2 – Busque o comprometimento local. Identifique quem são as pessoas que podem se comprometer localmente com a causa.

3 – Converse com essas pessoas, dialogue com elas até alcançar o consenso. A partir do consenso o interesse se intensifica.

4 – Neste ponto entram as empresas. As empresas podem usar a mente, o raciocínio para projetar sistemas que permitam tornar um produto ou serviço acessível, na base, por exemplo, de 1 dólar. “Não ter dinheiro é uma situação que força a inovação”, disse Charan.

5 – Projete um sistema. Mas é preciso ter em mente que o sistema só vai funcionar se as pessoas executoras concordarem com esse sistema. Caso contrário, é preciso voltar ao diálogo.

6 – Identifique líderes na comunidade. Pessoas de paixão e confiáveis. Segundo Charan, nenhum grupo de pessoas ou comunidade alcança a sustentabilidade sem um líder, seja ele eleito, indicado informalmente ou escolhido.

7- Não busque a publicidade e o elogio pelo sucesso alcançado. “A satisfação pessoal não é medida pela publicidade da sua iniciativa”, disse.

8- Mantenha reuniões periódicas com pessoas de empresas, universidades, autoridades públicas. Estabeleça prioridades, mas não queira nunca abraçar o mundo. Escolha três prioridades, com base na sua causa, nos resultados e mensuração dos resultados. Use palavras exatas, evitando conceitos e definições genéricas.

9 – Busque a criatividade do grupo envolvido no trabalho. É preciso identificar quais os recursos, em termos de criatividade, com que se pode contar para o desenvolvimento das ações.

10 – Tenha em mente que a vida é a felicidade. Seja feliz e, mais importante, faça outras pessoas felizes.

O Global Forum América Latina acontecendo em Curitiba



Por Marcio Vieira de Souza


Estou participando em Curitiba do Global Forum América Latina (GFAL) , que ocorre no CIETEP com apoio da UNINDUS. O mega evento tem como tema: "Empresas, Universidades e Sociedade num mundo sustentável". Nos próximos dias estarei repassando informações e links sobre o GFAL.

Eu fui convidado e vim especialmente para assistir a pós-conferência que acontecerá no encerramento do evento. Será hoje a noite, sob o tema: "Redes sociais e sustentabilidade" e participarão como palestrantes Augusto de Franco (pesquisador e ativista brasileiro) e David Ugarte (escritor e pesquisador espanhol) , especialistas no assunto.

Veja a programação e acesse o link do Forum


quinta-feira, 19 de junho de 2008

Receita da Tainha Serra-Mar do Mercado Público


Quem nunca sentou nas mesinhas do restaurante Toca do Urso, no Mercado Público de Florianópolis e degustou um pirão de renda? Talvez não reconhecesse por este nome especificamente, mas pelo sabor indescritível desta receita típica de um cardápio açoriano. O Pirão de Renda, apelidado desta forma exatamente por lembrar a brancura da delicada renda, agora virou acompanhamento da tainha recheada com pinhão e ova de tainha. A receita também ganhou um nome criativo: Tainha Serra-Mar, pelos ingredientes litorâneos misturados ao pinhão típico da serra catarinense. Confira abaixo apenas uma das receitas que conquistaram paladares catarinenses e que agora podem ser conferidas também ao meio-dia, no almoço. Ah! Você também tem a opção da comodidade e levar uma Tainha Serra-Mar recheada para a casa embalada a vácuo. Neste caso, a única função será colocá-la no forno.

Fone de contato e encomendas: 48- 30252929.

Ingredientes:

1 tainha de 2 kg (Já limpa e sem a espinha)

500 gr de ova de tainha 350 gr de pinhão (Já moído)

200 gr de cebola 3 dentes de alho grande 30 gr de manteiga sal a gosto e pimenta do reino a gosto

Modo de fazer: Lave e reserve o peixe temperado com sal a gosto;

Cozinhe a ova em água e sal, esfarele e reserve;

Cozinhe o pinhão descasque e resfrie, após faça a farofa e reserve;

Pique a cebola miudinha e o alho;Em uma panela derreta a manteiga, dore a cebola e o alho;

Após, acrescente o pinhão, refogue e acrescente a ova;Recheie o peixe, fechando bem;

Asse durante 45 minutos a 190º em forno elétrico ou durante 1 hora em forno a gás domestico.


Acompanhamento: Pirão de Renda

1 lt de água 200 gr farinha de mandioca

1 Tomate grande sem semente

1 colher de sopa de salsa

Sal a gosto

Dissolva bem a farinha de mandioca com água fria, ferva a água e acrescente o tomate cortado em cubos, o sal, a salsa e acrescente aos poucos a farinha mexendo sempre até obter o ponto de creme.


A dica é das jornalistas Juliana Pamplona e Karyna Pereira da Alvo Comunicação ( tenho o maior orgulho das minhas ex-alunas e atuais colegas, rrrrssss...)

48 3035.5503/ 9981.0506/ 9971.5056

Reação contra a corrida de toros na Espanha

Essa dica foi de um dos Senadores do Mercado Público, o Kiko Ortiga (kiko@floripa.com.br). O manezinho ecologista, conhecido por suas posições contra "a farra do boi". Vote na enquete contra "a corrida de toros" e se surpreenda com a posição dos espanhóis e do mundo ...
Essa é para o pessoal que diz que os ecologistas daqui só lutam contra a proteção animal na ilha e não apoiam outras lutas pelo mundo.

Participe da enquete do EL PAÍS. Vote e olhe o resultado INTERNACIONAL.
http://www.elpais.com/encuestas/encuesta.html?id=9287&k

Flagrantes do show da banda Projeto B2 no Bar Notorium
















A Banda Projeto B2 surge a partir da força de vontade e persistência de dois amigos de juventude, Alberto e Silvio, que se negavam a deixar de lado seu interesse pela música.
Com a proposta de resgatar seu antigo, mas latente sonho, os dois amigos chamaram o Baterista Giovani e o Baixista Alessandro para então, materializar seu Projeto.
Com muito Rock’n Roll nas veias, constituíram um repertório voltado para o Rock Clássico e, hoje, tocam com muita alegria, energia e vibração as músicas dos seus ídolos: Beatles, Elvis Presley, Rolling Stones, Little Richard, James Brown, Creedence Clearwater Revival, Peter Frampton, Roy Orbison, Steppenwolf, Chuck Berry, Eric Clapton, The Cult, entre outros grandes ícones do Rock dos anos 60, 70 e 80. Como não poderiam deixar de tocar também aquelas músicas que cresceram ouvindo no cenário nacional, ampliaram seu repertório, incluindo vários nomes reconhecidos: TNT, Legião Urbana, Capital Inicial, Ira, Biquíni Cavadão, Plebe Rude, Barão Vermelho, entre outros que fizeram e fazem sucesso até hoje.
A atual proposta da Banda Projeto B2, é transmitir aos seus ouvintes, toda sua paixão pela música, dividindo com o público a alegria que os contagia.

Veja as fotos do show da banda na última sexta feira no Bar Notorium no Estreito. Eles tocam também no Bar República, ali no Pantanal, perto do Armazém Vieira ...

Veja mais no site da banda:


Exposição do artista plástico Guimaraes Rocha no Café Matisse






O artista Guimarães Rocha que é Designer, está fazendo uma exposição de quadros (desenhos e ilustrações) intitulada "Música para os olhos" no dia 24 de junho (última terça do mês) no café Matisse no CIC. No dia da inauguração será servido um cocktel a partir das 20 h e a partir das 22 h haverá uma apresentação do músico Carlos Panthera e convidados. As pessoas que ficarem para o show pagarão o couvert de R$7,00.
A exposição ocorrerá durante 20 dias.
As duas fotos aqui apresentadas, uma de Robert Jhonson e outra de Louis Armstrong, são pinturas feitas a mão, ilustrações que reproduzem fotografias.

Repercussões dos comentários de Lúcia Hippólito na CBN

Vários comentários da "comentarista" Lúcia Hippólito na rádio CBN tem repercutido entre os blogueiros. Esse pessoal da grande mídia acha que pode passar impune e falar sem consequência ... A dica foi do nosso colaborador Raul Longo, vejam os comentários da moça e a repercussão nos blogs:
"Uma das coisas que talvez o presidente Lula tenha feito mal para o país, porque as pessoas acham que podem, de repente, se candidatar presidência da República sem nunca ter feito nada. Olhe o Dunga, nunca foi técnico nem do time da esquina da rua dele. Agora já virou técnico da seleção brasileira e acha que sabe tudo. Olhe a ministra Dilma [Roussef], nunca administrou nada a não ser a Casa Civil, com esses problemas todos que ela está tendo, já acha que pode ser presidente da República. Dureza, hein?" - sentidos do zurrar do Hipolíto, interpretado pelo paleontologista Emerson Luis.
fonte: http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/a-audiencia-cai-devido-a-pessoas-preconceituosas/
"A AUDIÊNCIA CAI DEVIDO A PESSOAS PRECONCEITUOSAS"
Atualizado em 16 de junho de 2008 às 21:35
Publicado em 16 de junho de 2008 às 21:16por Emerson Luis, no Nas Retinas, em 16 de junho de 2008
http://emerluis.wordpress.com/2008/06/16/preconceito-de-classe-explicito-para-lucia-hippolito-a-culpa-da-derrota-da-selecao-tambem-e-do-lula/

Vejam, ou melhor ouçam, a classe da colunista (?) Lucia Hippolito na CBN. Quem merece acordar pela manhã, ligar o rádio, e ouvir coisas tão absurdas nas análises desta "especialista"?Os proprietários dos veículos conservadores não entendem porque a cada dia perdem audiência para a Internet e outros veículos alternativos. Eu explico: a audiência cai devido a pessoas preconceituosas como Lucia Hippolito.Em seu comentário pela manhã na CBN ela simplesmente conseguiu aliar a derrota da seleção brasileira ao presidente Lula, desqualificando-o para exercer o cargo de presidente da república. Ou seja, se a seleção perdeu, a culpa é do despreparado do Lula.É a fina flor do jornalismo de caserna. Ao acordar de mau humor numa segunda-feira, Lucia usa o microfone para exercer o preconceito de classe, como pessoa culta e preparada que é. Obviamente, não admite que um cidadão com histórico político ganhe as eleições e assuma o cargo de chefe máximo da nação.Lucia, uma dica: 2010 está ai. Pq vc, que é uma pessoa preparada, equilibrada, culta, que tem faculdade, doutorado e mestrado não se candidata para o cargo?Indo mais além na sua forma sabotadora de comunicação, aliada a apatia de uma das rádios mais sem criatividade que já surgiram no Brasil, Lucia ainda chama a ministra Dilma, que nem é candidata a nada, de despreparada, a roldão do presidente Lula.Leiam o trecho citado, literalmente: "Uma das coisas que talvez o presidente Lula tenha feito mal para o país, porque as pessoas acham que podem, de repente, se candidatar presidência da República sem nunca ter feito nada. Olhe o Dunga, nunca foi técnico nem do time da esquina da rua dele. Agora já virou técnico da seleção brasileira e acha que sabe tudo. Olhe a ministra Dilma [Roussef], nunca administrou nada a não ser a Casa Civil, com esses problemas todos que ela está tendo, já acha que pode ser presidente da República. Dureza, hein?"Literalmente foi isso que se ouviu hoje pela manhã em uma das principais redes de rádio do país, que administra uma concessão pública de radiodifusão, ou seja, do Estado. Fiquei pensando no trecho "nunca ter feito nada", que ela usou para se referir as atividades do presidente.Se Lucia fosse algo mais ou menos parecido com um jornalista, ela definiria exatamente o que quis dizer nestas entrelinhas. Defender direitos trabalhistas durante uma ditadura é fazer nada? Ser preso pela ditadura é fazer nada? Percorrer o país em caravana para ter base sólida e conhecimento do país é nada? Ter sido deputado constituinte é nada? Ter disputado cinco eleições com sabotagem da imprensa é nada? Ter colaborado pela redemocratização do país é nada?Lucia, com todo o respeito que uma dama merece, quem precisa fazer alguma coisa é você, talvez um curso de cidadania em programas públicos, visitas em assentamentos de terra, a projetos de inclusão digital, aos albergues, programas de alfabetização, enfim, uma visitinha a qualquer periferia que está ai bem perto de você, para aprender que propagar preconceito de classe usando os meios de comunicação é péssimo para o país.

sábado, 14 de junho de 2008

Flagrantes: Festa de aniversario do SOIKA














O SOIKA, senador do Mercado Público, fez aniversário. Foi na sexta (13/6), ali na associação do DER , embaixo da ponte Hercílio Luz, no lado continental. Parabéns SOIKA!


As fotos são do nosso fotógrafo Paulo.








Festival de Outono começa neste final de semana na Lagoa da Conceição

A partir do próximo sábado, a Lagoa da Conceição passa a ser palco da 4ª edição do Festival de Outono. Música, teatro, cinema, gastronomia e esportes vão movimentar o local nos finais de semana de junho A Lagoa da Conceição se transforma em um reduto cultural a partir do próximo sábado, dia 14 de junho, com o início do 4º Festival de Outono. Durante três finais de semana, o público vai poder aproveitar um dos mais belos cartões postais de Florianópolis para participar de atividades de lazer e conferir uma série de atrações artísticas. “Nossa idéia é aproveitar esta época de temperaturas agradáveis, sem engarrafamentos no trânsito e com lindos finais de tarde para promover a cultura na cidade”, explica Patrícia Costa, diretora da Propague Promo e organizadora do evento. Caminhada ecológica, aulas de yoga, passeio de canoa havaiana, apresentações de teatro e boi de mamão, sessões de cinema e contação de histórias, e uma série de shows musicais – incluindo alguns de artistas com reconhecimento nacional – fazem parte da programação. Todas as atrações são gratuitas e estarão concentradas em três lugares da Lagoa: na praça Bento Silvério, na Avenida das Rendeiras e no Espaço Cultural Sol da Terra. O principal objetivo do Festival é reunir e valorizar as mais diversas manifestações culturais da cidade em um evento popular. A música terá um destaque maior na edição deste ano. Além de DJs convidados e atrações nacionais como Dr. Cipó, Paulinho Moska e Hermeto Pascoal (cujas apresentações serão respectivamente nos três sábados de evento às 17h), o Festival fez uma parceria especial com o Clube da Luta – movimento musical que há quase dois anos integra e promove os talentos locais – e terá 12 shows de bandas já conhecidas pelo público catarinense. Tijuquera, John Bala Jones, Os Berbigão, Coletivo Operante e Aerocirco são algumas das atrações confirmadas. O público vai poder ainda experimentar os pratos criados especialmente para o Festival por vários bares e restaurantes da Lagoa. Os 25 estabelecimentos participantes prepararam novidades exclusivas e fizeram promoções diferentes que poderão ser conferidas durante todo o evento. As opções são as mais variadas possíveis: desde comida japonesa, italiana e tailandesa, até os frutos do mar – típicos da região. No primeiro final de semana do Festival, os destaques ficam por conta dos shows de Missiva e Coletivo Operante, no sábado - quando Dr. Cipó também sobe ao palco da praça Bento Silvério. No domingo é a vez de Maltines e Andrey e a Baba do Dragão de Komodo agitarem o público. Entre um show e outro, o DJ Zé Pereira comanda o som na pracinha.
O Festival de Outono da Lagoa é realizado pela Propague Promo, com patrocínio da Tractebel Energia, Le Monde Citröen e NET, e apoio do Grupo RBS através da Itapema FM.
Todas as atrações são gratuitas e abertas ao público.
Confira abaixo a programação do primeiro final de semana do evento:
Sábado, 14 de Junho 10h30 - Aula de Yoga gratuita (Parceiro: UniYôga). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds.
Informações: 3222-8486 com Michael. 10h30 – Sessão de contos de história infantil: "Cuidado que Morde!" com o Grupo Pó Patapataió. Local: Praça Bento Silvério. Informações: 3232-2303 com Ricardo. 13h - Passeio de Canoa Havaiana gratuito (Parceiro: Open Winds). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3232-5004 com Adrien.
14h - Caminhada Ecológica com recolhimento de materiais não-orgânicos nas dunas da Lagoa. Previsão de três horas de duração com a parada de 20 minutos para o lanche. Percurso total de 7 kms. (Parceiro: Travessias). Local de saída: praça Bento Silvério. Informações: 9962-3748 com Marcos Pinheiro.
14h - Boi de Mamão. (Parceiro: Feira de Artesanato da Lagoa). Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 3232-1514 com Roni.
15h - Show da banda Missiva (Clube da Luta). Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio. 15h40 - DJ Zé Pereira (Clube da Luta). Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio.
16h - Show da banda Coletivo Operante (Clube da Luta). Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio. 16h - Passeio de Canoa Havaiana gratuito (Parceiro: Open Winds). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3232-5004 com Adrien. 16h40 - DJ Zé Pereira (Clube da Luta). Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio. 17h - Show Nacional: Dr. Cipó. Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 3028-9151 Ágere Produções. 17h - Aula de Yoga gratuita (Parceiro: UniYôga). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3222-8486 com Michael. 19h30 - Espetáculo Teatral gratuito: peça "O Espantalho" com Cacá Correia. Local: Centro Cultural Sol da Terra. Informações: 3232-2303 com Ricardo.
Domingo, 15 de Junho 10h30 - Aula de Yoga gratuita (Parceiro: UniYôga). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3222-8486 com Michael.
10h30 - Sessão de contos de história infantil: "O porquê das coisas", com Felícia Fleck e Carol Costa. Informações: 3232-2303 com Ricardo
13h - Passeio de Canoa Havaiana gratuito (Parceiro: Open Winds). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3232-5004 com Adrien.
14h - Teatro Infantil: "João e Maria", Turma do Papum. Local: palco da praça Bento Silvério. Informações: 9916-4868 com Lene.
15h - Teatro: "À Direita de Deus Pai - uma mojiganga brasileira". Grupo teatral da UDESC. Informações: 3232-1514 com Roni.
16h - Passeio de Canoa Havaiana gratuito (Parceiro: Open Winds). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3232-5004 com Adrien.
16h30 - Show da banda Maltines (Clube da Luta). Local: palco da Praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio.
17h - Aula de Yoga gratuita (Parceiro: UniYôga). Local: Av. das Rendeiras, em frente ao Open Winds. Informações: 3222-8486 com Michael.
17h10 - DJ Zé Pereira (Clube da Luta). Local: palco da Praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio.
17h30 - Show da banda Andrey e a Baba do Dragão de Komodo (Clube da Luta). Local: palco da Praça Bento Silvério. Informações: 8416-9900 com Márcio.
18h - Sessão gratuita de Cinema - "Sopão de Filmes". Local: CineClube Sol da Terra. Com os curtas: Urbano, Leonor Guedes, O Vinil Verde, Aquário, Sonido, O Retrato de Doriana Extra Cremosa com Sal, Momentos de Lugar Algum. Informações: 9941-2714 com Alan Langdon.

1º ARRAIÁ AÇORIANO no Sambaqui

A Associção Cultural Baiacu de Alguém, juntamente com a Associação de Bairro de Sambaqui (ABS) convidam para o 1º ARRAIÁ AÇORIANO.

Não perca esta Festa Junina de arromba!!!
Ponha sua roupa junina e venha se divertir!!!
Data: 21/06/2008 - sábado.
Hora: a partir das 16:00h .
Local: Casarão da Ponta do Sambaqui .
Teremos muitas atrações: Boi de Mamão, casamento na roça, quadrilha, barracas de pescaria, comidas típicas e fogueira, folguedos e muita alegria

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Joana Cabral e Jorge Lacerda no Flor da Mina do Ribeirão


Joana Cabral e Jorge Lacerda se apresentam na mais novo espaço do Ribeirão da Ilha, o Restaurante Flor da Mina do Ribeirão, nos domingos das 12 às 16hs. A casa oferece além do cardápio com frutos do mar e outros, uma deliciosa feijoada, pelo valor de R$ 12,00.
No repertório MPB, Samba e Bossa Nova, músicas já tradicionalmente apresentadas aos domingos após as 22hs no Rancho do Neco, na Ponta do Sambaqui.
O Flor da Mina do Ribeirão, que é do Paulinho (aquele que namora a Cler, não tem?) e fica na estrada geral de acesso ao Ribeirão da Ilha, um pouco antes do trevo que dá acesso à Tapera.

terça-feira, 10 de junho de 2008

Blog do Mercado Público no jornal A Fonte

O Jornalista Fernando Oliveira, editor do Jornal A Fonte, está modernizando e ampliando o jornal. Agora o jornal será quinzenal e terá oito páginas a mais. Entre elas haverá uma exclusiva do Mercado Público onde teremos uma Coluna, baseada no nosso blog e os assuntos que discutimos com a turma do mercado.
Veja a matéria que ele fez na última edição do jornal sobre o Bar do Spinoza:
http://www.jornalafonte.inf.br/online/48/11.htm

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Balanço da Bossa se apresenta no Iguatemi

O quarteto Balanço da Bossa surgiu em janeiro de 2008 com o objetivo de divulgar e comemorar os 50 anos do movimento Bossa Nova. Formado pelos músicos Denise de Castro (piano e voz), Silvia Beraldo (sax alto, soprano e flauta), Alexandre Vicente (baixo) e Victor Bub (bateria).
O show “Chega de Saudade” foi muito bem recebido pelo público no diversos lugares onde foi apresentado como Armazém Vieira, Café dos Araçás e no Projeto da Fundação Catarinense de Cultura “Sexta no Jardim” no Palácio Cruz e Sousa.

No dia 12 de junho o show será especial em homenagem ao Dia dos Namorados, “Amor é Bossa Nova” onde o repertório será voltado para as músicas românticas da bossa nova.

DIA 12 DE JUNHO NO SHOPPING IGUATEMI-19:00h- GRATUITO

Lançamento do livro a função da amante


A Editora Conceito lança, dia 11 de junho, na Livraria Conceito, obra que reúne ensaios de diversos temas da atualidade, com destaque para as considerações morais, sociológicas e jurídicas exercidas pelo (a) amante.
De autoria do advogado, Douglas Phillips Freitas a obra: A Função Sócio- Jurídica do( a) Amante e outros temas de Família, faz observações críticas ao posicionamento do legislador no que diz respeito a existência da culpa no término da relação conjugal.
A lei e a sociedade coíbem a prática da infidelidade e penalizam o cônjuge adúltero.
Segundo o Código Civil em vigor, a lei distingue as situações de casamento, união estável e de concubinato, deixando para esta figura os relacionamentos de pessoas impedidas de casar ou adquirir direitos familistas.
No livro, o autor levanta estas questões e outras relacionadas ao tema e convida o leitor a refletir sobre o assunto, com todo cuidado.


Douglas Phillips Freitas é Advogado, e especialista em Psicopedagogia e doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais. Atualmente é professor de graduação e pós-graduação pelo CESUSC, IES/FASC, INPG, FUCAP, VOXLEGEM e Cursos Preparatórios para Concursos.

O lançamento da obra, que estará disponível nas principais livrarias do país, será no dia 11 de junho, às 18 horas, na Livraria Conceito, localizada bem no centro da Capital. Rua Jerônimo Coelho, 293, centro de Florianópolis.
Informações pelo telefone: 33240040
Fonte: jornalista Camila Chittolina
48-96151444/38799615


domingo, 8 de junho de 2008

FAM: A Mostra de Longas Mercosul sofre alterações na grade de programação para este domingo.

O filme argentino A Cada Lado, de Hugo Grosso, será exibido no lugar de La Peli, de Gustavo Postiglione. Lembrando que antes da sessão teremos homenagem a Roberto Farias, criador de clássicos como a trilogia cinematográfica de Roberto Carlos nos anos 60, o político Pra Frente Brasil e O Assalto ao Trem Pagador. Além da programação atualizada, no site também poderão ser conferidas todas as atividades do festival, que em dois dias já exibiu 28 produções. A homenagem prestada para a atriz Júlia Lemmertz com o teatro lotado já estão disponíveis, momentos que antecederam a noite de lançamento do longa-metragem Doce de Coco, de Penna Filho, que terá uma sessão extra nesta terça-feira, dia 10, às 10h no cinema do CIC, devido a grande quantidade de público que não pode entrar no teatro. Atenção também para os fóruns que iniciam amanhã apresentando o painel 1 - Produção de Conteúdos para TVs Públicas e Culturais, neste domingo, às 15h, na Academia Catarinense de Letras no CIC. Participam do debate Augusto Gongora, da TV Nacional do Chile; Gabriel Priolli, da TV Cultura de São Paulo e Eva Piwowarski, presidente da Reunião Especializada de Autoridades Cinematográficas e Audiovisuais do Mercosul (Recam).
O evento terá transmissão ao vivo pela internet.

Para maiores informações acessem o site http://www.fam2008.com.br/

Fonte : Assessoria de Imprensa do FAM
assessoriafam@gmail.com
(48) 7811-7044 / (48) 3222-0266
Coordenação: Fernando Pinto Jr.

sábado, 7 de junho de 2008

Orquestra Sinfônica das Comunidades no Ação da Globo: veja o vídeo no Blog do Mercado!

A dica foi do KIKO Ortiga ( o Senador do Mercado):
Amigos, não se esqueçam, amanhã, sábado ( às 7h30, com reapresentação no Canal Futura domingo, às 7h da manhã e quinta-feira, meia-noite e meia, a OSCOM estará no AÇÃO da REDE GLOBO. A gurizada, o projeto, a arte (música), e em especial o André Calibrina como idealizador de tudo isso merecem todo o nosso apoio. Lembro como se fosse ontem quando ele comentava sobre o que ainda era apenas uma ideia. Show de bola! André merece! Será neste sábado. Avisem os amigos que conhecem o projeto. Kiko.
Quem não viu ainda dá tempo:
Quem perdeu pode assistir aqui no blog do Mercado Público :

CLIK abaixo:
http://video.globo.com/Videos/Player/0,,GIM837904-7759-JOVENS+DE+COMUNIDADES+DE+FLORIANOPOLIS+FORMAM+UMA+ORQUESTRA+SINFONICA,00.html

Domingo é dia de cinema no FAM 2008

La Peli, de Gustavo Postiglione é o longa argentino da noite de domingo.

O domingo do 12º FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul, 8 de junho, começa com a programação direcionada para a garotada da Mostra de Cinema-Infanto Juvenil, às 10h, no teatro do CIC, com nove produções em cartaz, 6 delas animações produzidas em vários estados brasileiros. Um destaque é a animação catarinense convidada: Leste do Sol, Oeste da Lua – de Patrícia Monegatto Lopes, a doce história de uma menina que precisa desfazer o encanto que transformou sua mãe em boneca. As 14h, no Cinema do CIC, a Mostra de Cinema Finlandês apresenta O Homem Pelicano, (ficção, 90 min), de Liisa Helminen, produção também voltada para o público juvenil. Também às 14h, no grande Teatro do CIC, César Cavalcanti apresenta o seu documentário Olhar de Um Cineasta ( 75 min) na Mostra Extra-FAM. O filme apresenta a obra do cineasta Marco Faria. Às 15h na Academia Catarinense de Letras, no CIC, o primeiro painel do Fórum Audiovisual Mercosul discute a produção de conteúdo para TVs públicas e culturais. A mesa será composta por Augusto Gongora (TV Nacional do Chile) e Pablo Reyero (Canal 7 Area de Cine da Argentina), mediados pela argentina Ewa Piwowarski. Às 16:00h, no Cinema do CIC, a Mostra Extra-FAm exibe dois documentários. O catarinense Frank Graf, O Caminheiro ( 59 min), de Andréas Peter, sobre a vida do maestro e pastor luterano que dá nome ao filme e o paulista Crítico ( 75 min), de Kleber Mendonça Filho, que discute a arte de ver e criticar filmes a partir de depoimentos de cineastas conhecidos. Às 16h30min, no Teatro do CIC, começa a mostra a Mostra de Vídeos do Mercosul com nove produções, entre elas Animadores (6 min), dirigida pelo cartunista Allan Sieber. Às 18h a Banda Sol-Lá-Si apresenta-se no hall de entrada do CIC. Às 19h30min a Mostra de Curtas do Mercosul, com três produções: Café com Leite (ficção, 18 min), de Daniel Ribeiro; Espalhadas pelo Ar (ficção, 15 min), de Vera Egito e o documentário A Maldita (20 min), de Tetê Mattos. Às 20h45min começa também no teatro a homenagem ao cineasta Roberto Farias, pelo importante conjunto de sua obra no cinema brasileiro. E em seguida, às 21h, é a vez do diretor argentino Gustavo Postiglione mostrar ao público do FAM o longa La Peli (ficção, 119 min).
(Matéria sobre todos as mostras, homenagens, programação e sinopses dos filmes estão disponíveis no site www.fam2008.com.br)
Fonte:
Assessoria de Imprensa
(48) 7811-7044 / (48) 3222-0266
Coordenação: Fernando Pinto Jr.

quinta-feira, 5 de junho de 2008

Hoje é o Dia Mundial do Meio Ambiente

É preciso dizer muito mais, mas vamos com duas coisinhas rápidas: (pense sobre isso)
1 - O planeta está no limite da produção dos recursos naturais.
2 - Estamos consumindo muito além da capacidade de renovação desses recursos. Pergunte para um dona de casa se ela colocar todos os dias na maquina de lavar uma quantidade maior do que é recomendado de roupas, o que vai (ou poderá) acontecer. Ou se sua casa estiver abastecida (recursos) para 5 pessoas por 10 dias, e se ela hospedar 15 pessoas por um mês, o que vai acontecer. Pergunte para o marido dela, para o "chefe" dessa mesma família se ele fizer o mesmo com o carro, se transportar toda essa gente todos os dias de lá pra cá, daqui pra lá, exigindo do motor força e/ou velocidade incompatíveis, o que vai (ou poderá) acontecer. Desculpem esses dois exemplos machistas citados acima. Confesso que não me sinto a vontade com eles. Contudo, é a linguagem que precisa ser usada. É o público alvo que precisa ser atingido. Faça a sua parte!
Quer saber mais sobre o assunto?
Leia o livro "Mundo Sustentável" do jornalista André Trigueiro.
Dica e lembrança do KIKO Ortiga
Comentário do Marcio: Só estaremos bem quando todo dia for dia do ambiente inteiro, de forma equilibrada ...

Geraldo Simas lança livro na Catarinense


O sr. Geraldo Simas, aquele que é tio da Simone Freitas, não tem ? Esta lançando o livro: "O mistério das energias da Mente" neste dia 05/06/2008, quinta feira, as 19:hs na Livraria Catarinense do Shopping Beiramar.

Segundo Geraldo Simas: "um dos grandes dilemas que nos acompanha desde os tempos mais remotos é a falta de explicação racional para muitos fenômenos que ocorrem no nosso dia-a-dia e outros dos quais só ouvimos falar. Com tantas lacunas, “a fantasia” é uma tentativa natural de o homem descobrir, com alguma sustentação, as “verdades” sobre a vida em seu sentido mais amplo. Contudo, se decifrarmos as energias sutis que carregamos dentro de nós “a fantasia” dará lugar a algo mais palpável na elucidação desses mistérios e, certamente, as respostas terão a racionalidade como alicerce."


Fonte : Simone Freitas

Está começando o12º FLORIANÓPOLIS AUDIOVISUAL MERCOSUL




Maratona de cinema neste sábado no CIC vai das 10h às 23h

Noite é de homenagem à atriz Júlia Lemmertz e estréia nacional do longa de Penna Filho(matéria sobre todos os assuntos abaixo estão disponíveis no site http://www.fam2008.com.br/)

O primeiro dia cheio do 12º FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul, 7 de junho, começa cedo e vai longe. Que tal um cineminha em família pela manhã de sábado com entrada liberada para pais e filhos? A Mostra de Cinema-Infanto Juvenil abre as portas convidando a turma toda para as sessões gratuitas, sábado e domingo, às 10h, no teatro do CIC, com nove produções em cartaz. Também às 10h, no Cinema do CIC, oportunidade rara de assistir a exibição do clássico nacional restaurado O Homem que Virou Suco (João Batista de Andrade, 90min, 1979/80) na Mostra Extra-FAM, com a presença do casal Carlos e Myrna Brandão, timoneiros do Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro, entidade responsável pela recuperação de obras fundamentais da história do cinema brasileiro. As 14h, no Cinema do CIC, a Mostra de Cinema Finlandês inaugura com duas ficções, Homens Duros (Maarit Lalli – 20min) e Flores e Arranjos (Janne Kuusi, 110min). A comitiva de diretores e produtores da gelada terra nórdica já está em Floripa, encantada com a cidade, com o pôr do sol da ponte Hercílio Luz e a calorosa recepção dos catarinenses. Enquanto isso, também às 14h, no grande Teatro do CIC, os catarinenses integrantes do hilário projeto Pintô Sujêra Guilherme Ledoux e Alan Langdon partem para vôo em dupla e exibem o documentário Sistema de Animação (90min, documentário), sobre o baterista Toicinho, radicado na Ilha de Santa Catarina. Às 16h30min, no Cinema do CIC, a atriz Júlia Lemmertz, homenageada da noite, apresenta Mulheres Sexo Verdades Mentiras (Euclydes Marinho, 81min). Em seguida, às 18h30min, participa de coletiva de imprensa no CIC. Também às 16h30min, no Teatro do CIC, começa a mostra a Mostra de Vídeos do Mercosul com nove produções, entre elas as catarinenses À Luz de Schwanke (Ivaldo Brasil Jr e Maurício Venturi, documentário) e Aquário (Cíntia Domit Bittar, ficção). O quadro inclui também uma ficção argentina, uma colombiana e ainda títulos de Pernambuco, São Paulo, Minas Gerais e Minas Gerais. Na seqüência, às 19h30h, é hora da Mostra de Curtas do Mercosul, com duas produções de São Paulo (a ficção A Cauda do Dinossauro, de Francisco Garcia, e a animação Pajerama, de Leonardo Cadaval) e o documentário carioca Tibira é Gay, de Emilio Gallo. Às 20h15min começa também no teatro a homenagem à atriz Julia Lemmertz, por toda a carreira e pela contribuição à divulgação do cinema nacional, à frente da Revista do Cinema Brasileiro. E em seguida, às 20h30min, Penna Filho promove a estréia nacional do longa catarinense Doce de Côco (ficção, Brasil, 2008), vencedor do Prêmio Cinemateca Catarinense.


(matéria sobre todos as mostras, homenagens, programação e sinopses dos filmes estão disponíveis no site http://www.fam2008.com.br/)

12° FAM - Florianópolis Audiovisual MercosulDe 6 a 13 de junho, no CIC

FlorianópolisSC

Programe-se!

Assessoria de Imprensa

assessoriafam@gmail.com(48) 7811-7044 / (48) 3222-0266

Coordenação: Fernando Pinto Jr.

O Portal do Choro se apresenta no Cine York e no Varandas Bar neste fim de semana





O Portal do Choro, que para os leitores do nosso blog dispensa apresentação, fará show amanhã, SEXTA (06/06) no Bar Cine York . Já nesse sábado (07/06), a apresentação será no Varanda´s Bar que fica na av. das Rendeiras, na Lagoa da Conceição. O show começa sempre a partir das 21:30 hs.
A dica foi da Nane do Portal do Choro.